quinta-feira, 13 de novembro de 2014

DEVEMOS FAZER UM C ONTROLE RIGOROSO DA GLICEMIA NO INTRA OPERATÓRIO DE CIRURGIA CARDÍACA




EXISTE VANTAGEM DE SE FAZER UM CONTROLE RIGOROSO DA GLICEMIA NO PEROPERATORIO DE CRVM


O controle glicêmico no período perioperatório reduz a mortalidade e morbidade, mas os dados são escassos no que diz respeito aos efeitos dos métodos de controle glicemico sobre a sobrevivência. O trabalho publicado avalia a sobrevivência a longo prazo em pacientes tratados com duas estratégias de controle da glicose nas priemiras horas de cirurgia da revascularização do miocárdio(CRVM).

Métodos
Em um estudo publicado anteriormente, os pacientes foram randomizados prospectivamente para controle glicemico severo e  restrito (90-120 mg / dL) ou liberais (121-180 mg / dL) nos protocolos de controle de glicose. O objetivo do estudo atual foi avaliar os dados a longo prazo sobre a sobrevivência e a qualidade de vida e saúde com base na população do estudo prospectivo e randomizado original.
Populacao estudada
Os grupos foram formados por grupo I (GI) 91 pacientes com controle restritivo e grupo II(GII)98 com controle glicemico liberal. Idade media GI 62.5 com 11% de mulheres e 41% de diabeticos e no GII a idade mediafoi de 62.8 anos(p 0.87) e 20 % de sexo feminino (p 0.11) 45 % de diabeticos com(p 0.56).

Resultados
Não foram encontradas diferenças na sobrevivência acumulada entre o GI (95,5%) e os de controle  liberal (93,5%) grupos de faixa alvo (log-rank = 0,32, p  = 0,57) ao longo de um seguimento médio de 40,0 ± 4,4 meses. Saúde relacionados com qualidade de vida física melhorou significativamente em todos os pacientes da linha de base até 6 meses após a cirurgia ( F  = 17,73, p <0,001), e não houve diferenças na melhoria da qualidade de vida e saúde entre os grupos de faixa 2-alvo ( F  = 0,15, p  = 0,70).

Conclusões
Estes resultados suportam as nossas descobertas anteriores e indicam que a estratégia de controle glicêmico liberal na cirurgia de revascularização leva a taxas de sobrevivência e melhorias na qualidade de vida e saúde que são semelhantes aos obtidos com uma meta rigorosa. Além disso, a estratégia liberal é superior no controle da glicose e gestão intervalo alvo.
BASEADO:
Impact of Perioperative Glycemic Control Strategy on Patient Survival After Coronary Bypass Surgery - A. Thomas Pezzella, MD, Sari D. Holmes, PhD, Graciela Pritchard, BS, Alan M. Speir, MD, Niv Ad, MDemail
The Annals of Thoracic Surgery Volume 98, Issue 4, Pages 1281–1285, October 2014

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe um comentário: